MACONHA DESTRUÍDA

A Policia Civil promoveu, no final da tarde desta terça-feira (11), a destruição dos 140 quilos de maconha apreendidos na rodovia BR 267, na segunda-feira (10), em Machado. O entorpecente foi incinerado em um forno da Recauchutadora Realcap, em um trabalho acompanhado pelos delegados Cleovaldo Pereira e Juliano do Lago, junto com um perito da Policia Civil, investigadores de Machado e de Alfenas, servidores da Delegacia local, duas representantes da Vigilância Sanitária, o proprietário e funcionários da empresa.
Toda a ação que acabou neste grande prejuízo para o tráfico você confere na próxima edição da Gazeta Machadense.

 

 

 

TERCEIRO SUSPEITO DE ENVOLVIMENTO EM TENTATIVA DE HOMICÍDIO É PRESO NO INSS

Foi preso na manhã desta terça-feira (11) um homem de 36 anos, suspeito de ser o terceiro envolvido em uma tentativa de homicídio, ocorrida no bairro Santa Luiza no último dia 31 de outubro. Para a Policia, o suspeito, que seria uma pessoa com alta influência no submundo do crime naquela comunidade, seria o mandante ou, no mínimo, a pessoa que autorizou dois jovens, presos na última sexta-feira (7) a cometerem o delito.
A prisão se deu no posto do INSS, onde o até então foragido teria ido fazer uma perícia. Ele está em licença-saúde por conta de supostamente ter levado um tiro na perna, caso que também será investigado, pois nenhum registro deste crime foi encontrado.
Os detalhes e a versão do acusado serão divulgados na próxima edição da Gazeta Machadense.

POLICIA CIVIL APREENDE 140 QUILOS DE MACONHA E PRENDE QUATRO SUSPEITOS

Policiais Civis de Poços de Caldas e de Machado realizaram, na tarde desta segunda-feira (10), uma das maiores apreensões de maconha já registradas na área. A droga estava no fundo falso da carroceria de uma caminhonete, que foi abordada na BR 267, vinda do Paraná. Dois homens que estavam no veículo foram presos.
Um Toyota Corolla, suspeito de fazer o trabalho de escolta da carga, também foi parado e seus dois ocupantes detidos.
O trabalho se deu após informações recebidas pela Delegacia de Poços de Caldas, que entrou em contato com os policiais de Machado e assim foi possível fazer o cerco de maneira efetiva.
Detalhes na próxima edição da Gazeta.